Como tirar verrugas do rosto e manter a pele livre do problema
Cuidados com a pele

Como tirar verrugas do rosto e manter a pele livre do problema

Você já deve ter visto alguém com uma ou mais verrugas no corpo ou ser um portador dessas lesões com protuberância carnuda, aspecto rosado e aparência de uma couve-flor. Classificadas como infecções da camada superficial da pele causadas pelo papilomavírus humano (HPV), as verrugas afetam qualquer área do corpo, incluindo o rosto, as mãos, os dedos, ao redor das unhas, os cotovelos, os joelhos, as genitais e até as plantas dos pés (costumam doer). Na pele, são mais ásperas. Nas mucosas, são mais planas e lisas.

Causas das verrugas

As verrugas são mais comuns em crianças e adultos que apresentam cortes na pele. Áreas do corpo depiladas com frequência, como a barba no rosto dos homens e as pernas das mulheres, também costumam aparecer lesões do tipo. Quem tem o hábito de roer unhas está propenso a desenvolver o problema, bem como indivíduos com sistema imunológico debilitado, exemplos: portadores de doenças autoimunes ou do vírus HIV.

Verrugas são contagiosas?

Sim. É possível transmiti-las durante o ato sexual sem proteção e por meio do toque (autoinoculação), comum em locais de uso público e compartilhado, como banheiros, piscinas, academias, clubes. Uma pessoa que já teve uma ou mais verrugas pode voltar a desenvolvê-las novamente, ou seja, não existe imunidade.

Tratamentos mais eficazes

Verrugas não somem com cremes. Cada tipo de lesão exige um tratamento específico, que deve ser indicado apenas pelo dermatologista. Entre os mais comuns, vale destacar a combinação de ácidos (salicílico + lático), cauterização, crioterapia (congelamento da verruga com nitrogênio líquido) e eletrocirurgia.

O ideal é tratá-las o mais rápido possível, para evitar que espalhem-se pelo corpo, dificultando a remoção dessas lesões.

Prevenção

A vacinação contra o HPV é indicada para a infecção da área genital, além de prevenir o câncer de colo do útero, de vulva e vaginal. Deve ser aplicada em meninas a partir dos 9 anos, preferencialmente antes do início da vida sexual. Também há a mesma vacina para meninos, mas apenas na rede de saúde particular. A boa notícia é que a partir de janeiro de 2017, o Ministério da Saúde oferecerá a vacina contra HPV para meninos entre 12 e 13 anos no Sistema Público de Saúde (SUS), com o objetivo de imunizar a população masculina e prevenir os cânceres de pênis, ânus e garganta.

Vale lembrar que verrugas genitais são consideradas DSTs (doenças sexualmente transmissíveis) e para sua prevenção é obrigatório o uso de preservativo durante as relações sexuais. Já as outras verrugas, como as que ocorrem na face e mãos, são prevenidas com cuidados locais, como higiene, evitar machucados e contato com pessoas que tenham esse problema e possam transmiti-lo.

Se você tem uma ou mais verrugas espalhadas pelo corpo, tome alguns cuidados:

  • Não tente removê-las ou manipulá-las de maneira alguma, principalmente com o uso de alicates ou outros instrumentos cortantes. Isso pode provocar uma infecção na região afetada, além de contaminar o objeto usado.
  • Lave a área na qual a verruga está durante o banho e aplique um curativo sobre a lesão.
  • Notifique as pessoas de sua casa sobre o problema e evite o contato direto, para não transmitir a verruga para outras pessoas.
  • Jamais aplique medicamentos ou cosméticos em verrugas. Mesmo que veja propagandas e fique tentado a comprá-los, não faça isso sem orientação médica.
  • Fique longe de receitas caseiras que prometem remover verrugas. Muitas delas podem até agravar o problema.
  • Atente-se à aparência de qualquer verruga que surgir em seu corpo. Algumas delas assemelham-se a pintas com cor e formato diferentes, dois sintomas do câncer de pele. Se estiverem na região genital e anal devem ser examinadas por médicos especialistas.

Agora que você já sabe como tirar verrugas de seu corpo de maneira segura, aproveite para tirar outras dúvidas sobre esse ou outro assunto. É só enviar sua pergunta para a dermatologista!

COMENTÁRIOS


Lembre-se: este site não realiza consultas online nem receita medicamentos ou cosméticos. Reservamos o direito de escolher quais perguntas responder e apenas tiramos dúvidas específicas sobre problemas de pele.



COMENTÁRIOS




Escreva sua mensagem (Máx. 250 caracteres)

  • Responder Janaína a de m Oliveira 30 de outubro de 2016 at 10:16

    Olá bom dia minha filha está com algumas verrugas no queixo e percebia ir estam de espalhando já lwvanos no dermato e aplicou um acio mas não resolveu bem a tuia que o médico pediu que desde por gotas .
    Ela tem 5 anos gostaria de umas dicas .

    • Responder Pergunte Ao Dermatologista 1 de novembro de 2016 at 12:11

      Janaina, a indicação do tratamento vai depender do tipo e número de verrugas. Então, continue o acompanhamento e evite auto-medicação.