Perguntas e respostas

Descubra o que não fazer em caso de surgimento de calos nos pés!

6d67f700d1be1b22e43ec3725633f6a3-1454855968

Vamos falar sobre calos? Em algum momento da vida, seja qual for a atividade que o originou, todos mundo já passou por essa situação. E o que pode ser pior: a maioria das pessoas aceita o surgimento dos calos como algo natural e comum, e não busca o tratamento para ele, afinal, em muitos casos eles são extremamente dolorosos, dificultam o uso de sapatos e até mesmo o caminhar.

Mas como se dá o surgimento desses calos nos pés e mãos?

As calosidades acontecem quando a pele sofre pressão, pelo peso do corpo, por sapatos apertados, muito fechado, ou altos, ou até mesmo por doenças ortopédicas e genéticas. Há também os calos nas mãos, que surgem por atividades físicas, manuseios de instrumentos e outras coisas pesadas. Eles são nada menos que uma resposta do seu organismo a essas situações!

Qual é a melhor forma de tratar os calos?

Bom, a melhor forma ainda é prevenir o seu surgimento, sem dúvidas. Evite todas as situações citadas acima. Se essas situações forem inevitáveis, você pode tentar se prevenir usando ataduras e luvas nas mãos, por exemplo, ou palmilhas e protetores nos pés, de forma que evite o atrito com a pele.

Existem também alguns cremes específicos que ajudam a diminuir a espessura da pele, sem que isso prejudique os tecidos ao redor dos calos – esses procedimentos devem ser realizados com a ajuda de um especialista!

E muito cuidado: jamais lixe ou raspe as calosidades, isso pode gerar feridas difíceis de cicatrizar, infecções e o pior: o conhecido efeito rebote, onde a pele se regenera ainda mais espessa por cima do calo.

Se você possui calos, procure um dermatologista, ele poderá te ajudar da melhor forma.

Ficou alguma dúvida sobre o assunto? Se sim, pergunte ao dermatologista!

 

COMENTÁRIOS


Lembre-se: este site não realiza consultas online nem receita medicamentos ou cosméticos. Reservamos o direito de escolher quais perguntas responder e apenas tiramos dúvidas específicas sobre problemas de pele.



COMENTÁRIOS




Escreva sua mensagem (Máx. 250 caracteres)

  • Responder BRUNA 22 de dezembro de 2016 at 21:19

    Oi Doutor, bom ja faz quase dois anos que meu cabelo tem ficado muito oleoso, e quando coço o couro cabeludo, sai umas massinhas oleosas, e mesmo lavando o cabelo, elas não saem, e meu cabelo tem caido , e cresce todo quebrado, e sem vida, eu gostaria de saber o que pode ser? E o que devo fazer?
    Desde ja muito obg.

    • Responder Pergunte Ao Dermatologista 23 de dezembro de 2016 at 20:44

      Boa noite Bruna! Cabelos oleosos têm mais tendência a desenvolver dermatite seborreica, que causa coceira e descamação no couro cabeludo, causando queda. Temos um texto específico sobre ela aqui no site, dá uma olhada.