Perguntas e respostas

Cabelos sensibilizados: o que você precisa saber para resolver o problema

Young woman brushing her hair

Uma quase unanimidade entre as pessoas são as transformações capilares. Basicamente todos já passaram por transformações como alisamentos, colorações, e outros tratamentos que acabam modificando a estrutura e característica natural dos fios.

Ainda que seja comprovado que tais tratamentos podem agredir os fios, esse é um assunto que gera algumas dúvidas e informações desencontradas. Afinal, as mudanças capilares podem agredir os fios? Se sim, de que forma isso ocorre e o que podemos fazer para reverter esses danos?

A sensibilidade da fibra capilar

Para que seu cabelo passe por uma mudança de textura, como os alisamentos, por exemplo, ou de cor, como mechas, tinturas e descolorações, alguns ativos químicos precisam entrar em ação. São eles os responsáveis pelos danos capilares, mas não só: a poluição, a radiação ultravioleta, água da piscina e o uso em altas temperaturas das chapinhas e secadores, também tornam a fibra mais sensível.

Como podemos evitar que isso ocorra, sem que seja necessário abrir mão dos tratamentos?

Hoje, o mercado cosmético e dermocosmetico possui uma tecnologia muito moderna, que auxilia na recuperação e prevenção a esses danos. Existem muitos produtos com a capacidade de regenerar quase que totalmente os fios danificados pelos processos acima citados.

As substâncias utilizadas são, entre as mais comuns, óleos vegetais, queratina e filtros UV. Durante um processo químico, ou qualquer outra agressão sofrida, alguns elementos fundamentais dos fios são perdidos. A ideia é que esses produtos apresentem ativos semelhantes à composição da fibra capilar, como a queratina, lipídios, aminoácidos e vitaminas. Esses dermocosmeticos têm a capacidade de manter e intensificar a hidratação, repor esses componentes, e ajudar no reparo das cutículas, dando brilho e maciez ao cabelo. Portanto, eles realmente funcionam! É importante estar atento, porém, a um ponto: é necessário descobrir qual é o real problema da sua fibra e o que ela realmente necessita, para que a reposição seja feita de maneira correta e apresente resultados!

Dicas para evitar danos e recuperar fios danificados

– O cloro com certeza ressecará seus fios, portanto, logo após a piscina, lave os cabelos com água potável.

– Descolorações podem ressecar, causar a perda de propriedades muito importantes para os fios e, o pior, rompê-los, causando o famoso corte químico. Portanto, não faça esse procedimento em casa e procure um especialista para que ele analise se a sua fibra capilar poderá aguentar ou não o processo.

– Não faça mais de um processo de uma vez nos seus cabelos e mantenha intervalos de meses entre um e outro.

– O uso de formol, ainda que proibido, é utilizado por muitas pessoas. Evite esse procedimento, pois o produto impermeabiliza os fios e impede que qualquer outra susbtância vinda de tratamentos sejam absorvidas.

– Ao colorir as madeixas, você estará mexendo em toda a estrutura dos fios, deixando-os fracos e bem ressecados, portanto, invista em tratamentos para a reparação dos fios logo depois.

– Utilizar o shampoo correto, também é essencial! Aqui nesse post demos algumas dicas de como escolher

Consulte sempre o seu dermatologista para que seja feita uma analise do que está causando a sensibilidade em seus fio e quais são os componentes em falta, para que a reposição correta seja indicada!

Se ficou com alguma dúvida, nosso dermatologista estará à disposição para responde-los, basta enviar sua pergunta!

 

COMENTÁRIOS


Lembre-se: este site não realiza consultas online nem receita medicamentos ou cosméticos. Reservamos o direito de escolher quais perguntas responder e apenas tiramos dúvidas específicas sobre problemas de pele.



COMENTÁRIOS




Escreva sua mensagem (Máx. 250 caracteres)