probioticos-bacterias-do-bem-pele-dermatologia
Perguntas e respostas

Probióticos: eles podem ser a ajuda que faltava no tratamento de várias doenças de pele

Já ouviu falar em bactérias do bem? Elas estão presentes em nosso organismo e, de modo geral, auxiliam em seu bom funcionamento. Mas, o que muita gente ainda não sabe ou não testou, são os probióticos para a pele.

O que são esses Probióticos?

Para entender melhor o que são esses probióticos para a pele, é interessante lembrar-se da flora intestinal e os lactobacilos vivos. A flora intestinal é formada pelos inúmeros micro-organismo vivos que são super importantes para o bom funcionamento  do intestino. Em alguns casos, há uma redução desse número de bactérias do bem, ocasionada por inúmeros motivos. Aí entram os probióticos e seus lactobacilos que, comprovadamente, conseguem chegar vivos ao estômago e se reproduzir rapidamente, ajudando a popular novamente o estômago com essas bactérias do bem e do bom funcionamento.  Todo mundo já consumiu algum alimento com lactobacilos vivos, por isso é muito mais fácil entender como funcionam os probióticos para a pele a partir desse exemplo!

Como eles funcionam na pele?

Na dermatologia eles já vêm sendo apontados como a solução para acnes, dermatites e diversos outros problemas de pele, incluindo uma solução poderosa para retardar os efeitos do tempo.

Assim como em nosso organismo, na pele existe uma grande quantidade de bactérias benéficas, que equilibram seu pH, tem ação anti-inflamatória, ajudam na hidratação e uma série de outros benefícios.  Quando elas estão em falta, por alguma razão, acaba acontecendo da barreira natural da pele diminuir e dar espaço à inúmeros problemas.

Como agem os probióticos

Os probióticos são micro-organismos vivos que atuam na microbiota, o conjunto de bactérias e fungos vivos que agem em nossa pele. Várias situações são responsáveis por danificar essa microbiota, como remédios antibióticos, a poluição, a limpeza da pele feita de forma excessiva, entre tantos outros agentes. Os probióticos agem de forma a repor a flora epitelial, e até mesmo revitalizá-la, repará-la ou estimulá-la.

Dessa forma, ainda que seja tudo muito recente, os probióticos poderão ajudar e muito no tratamento, recuperação e até controle de várias doenças da pele.

E como encontrar esses probióticos faciais?

Eles podem ser encontrados em séruns antiacne, cremes hidratantes, máscaras, loções anti-idade, produtos parecidos com a água termal e muitos outros que especificam em sua embalagem ser um ativo de ação probiótica.

Quem deve usá-los

A melhor parte do uso de probióticos, é que dificilmente haverá contraindicação para seu uso. Portanto, vale listar todas as condições para seu uso e situações onde eles agem de maneira a ajudar a pele:

– o estresse e poluição, por exemplo, estimulam os inflamatórios naturais da pele, causando muitos danos, como já bem falamos por aqui. Os probióticos ajudam a proteger a pele desses agressores, por causa da barreira natural que é formada.

– a acne também melhora muito com a ação dos probióticos, uma vez que eles reduzem consideravelmente o processo inflamatório das glândulas sebáceas, tendo a vermelhidão e as lesões reduzidas, e aumentando a barreira cutânea, como nos demais casos.

– Se a sua pele é sensível, o detalhe do fortalecimento da barreira da pele também faz muito sentido, levando em conta que a pele mais sensível se irrita facilmente, mas demora muito para se recuperar após algum dano, situação essa que pode ser melhorada com o uso de probióticos.

 

Além de todos os problemas que citamos aqui, há muitos outros na mira dos tratamentos com probióticos, como a rosácea e até o melasma. É muito importante a consulta com um dermatologista para que ele possa te explicar e indicar, apenas se necessário, o uso desses produtos, principalmente por ser uma alternativa tão recente. Somente um especialista poderá identificar a real necessidade e de que forma os probióticos poderão ajudar a sua pele.

Ficou com alguma dúvida ou curiosidade sobre o tratamento com Probióticos, sua ação, as maneiras de encontrá-lo, ou tem qualquer outra pergunta sobre o tema? Então, faça sua pergunta para a nossa dermatologista clicando aqui!

COMENTÁRIOS


Lembre-se: este site não realiza consultas online nem receita medicamentos ou cosméticos. Reservamos o direito de escolher quais perguntas responder e apenas tiramos dúvidas específicas sobre problemas de pele.



COMENTÁRIOS




Escreva sua mensagem (Máx. 250 caracteres)